Tabela Periódica - Guia dos Elementos

Cobalto - Co

cobalto cobalto cobalto cobalto cobalto
informações/aplicações
cobalto cobalto cobalto cobalto cobalto
cobalto cobalto cobalto
Clique nas imagens para ampliar.

Apresentação

Derivado do Alemão Kobold que significa gnomo ou duende subterrâneo, que se acreditava, destruirem o trabalho dos mineiros. Foi descoberto em 1735 por Georg Brandt em Stockholm, Suécia por redução de um mineral de cobalto pela técnica conhecida como "Ensaio de Fogo" (fire essay), É um metal brilhante, duro, parecido com o ferro e resistente a oxidação. Seus sais são rosados em solução aquosa ou na forma hidratada e se tornam azuis quando aquecidos após perderam água. O metal apresenta ferromagnetismo como o Ferro. Atualmente é obtido por eletrólise da solução de sulfato de cobalto.

Características principais

O cobalto é um metal duro , ferromagnético, de coloração branca azulada. Sua temperatura de Curie é de 1388 K. Normalmente é encontrado junto com o níquel, e ambos fazem parte dos meteorítos de ferro. É um elemento químico essencial para os mamíferos em pequenas quantidades. O Co-60, um radioisótopo, é um importante traçador e agente no tratamento do câncer.
O cobalto metálico é normalmente constituído de duas formas alotrópicas com estruturas cristalinas diferentes: hexagonal e cúbica centrada nas faces, sendo a temperatura de transição entre ambas de 722 K.
Apresenta estados de oxidação baixos. Os compostos nos quais o cobalto possui um estado de oxidação de +4 são pouco comuns. O estado de oxidação +2 é muito frequente, assim como o +3. Também existem complexos importantes com o cobalto apresentando estado de oxidação +1.

Papel biológico

O cobalto em pequena quantidade é um elemento químico essencial para numerosos organismos, incluindo os humanos.
A presença de quantidades entre 0,13 e 0,30 ppm no solo melhora sensivelmente a saúde dos animais de pastoreio. O cobalto é um componente central da vitamina B12 ( cianocobalamina ).

História

O elemento foi descoberto por George Brandt. A data do descobrimento é incerta, variando nas diversas fontes entre 1730 e 1737. Brandt foi capaz de demonstrar que o cobalto era o responsável pela coloração azul do vidro , que previamente era atribuido ao bismuto.
O nome do elemento é proveniente do alemão kobalt ou kobold , que significa espírito maligno ou demônio das minas, chamado assim pelos mineiros devido a sua toxicidade, e os problemas que ocasionava eram semelhantes aos do níquel, contaminando e degradando os elementos que se desejava extrair. Uma outra possível etimologia desta palavra é atribuída aos mineiros Harz e Erzgebirge, que sentiram-se logrados, já que, além de não possuir o valor esperado, este metal era nocivo à saúde e à prata (metal que ocorre junto com o cobalto); segundo a lenda, acreditavam os mineiros que um duende roubava a prata, deixando o cobalto em seu lugar.
Durante o século XIX, entre 70 e 80% da produção mundial de cobalto era obtido na fábrica norueguesa Blaafarveværket do industrial prussiano Benjamin Wegner.
Em 1938 John Livingood e Glenn Seaborg descobriram o cobalto-60. A primeira máquina de radioterapia, bomba de cobalto, foi construida no Canadá por uma equipe liderada por Ivan Smith e Roy Errington, utilizada num paciente em 27 de outubro de 1951. O equipamento atualmente se encontra exposto no Saskatoon Cancer Centre, na cidade de Saskatoon ( Saskatchewan ).

<< Voltar
Criação & Design: Estúdio Marambaia